quinta-feira, 13 de abril de 2017

CONVITE PARA O COLÓQUIO INTERNACIONAL NA UERJ





Dando continuidade às Jornadas Casa Dirce, cujo propósito é discutir, durante todo um dia ou mais, o lançamento de um título relevante, propomos um encontro em torno de La Solidarité des vivants et le pardon (Éditions Hermann, 2016), livro que, além de uma conferência inédita de Jacques Derrida, proferida no Brasil, e entrevistas com o autor, traz o ensaio de Evando Nascimento “Derrida au Brésil”. Além do próprio Nascimento e do organizador do evento, Nabil Araújo, participarão do debate convidados nacionais e internacionais, com reconhecido trânsito na obra do grande filósofo franco-argelino e conhecedores do trabalho de Evando Nascimento. Os temas do perdão e da solidariedade dos viventes constituirão os fios condutores do colóquio, mas outros temas éticos, políticos e estéticos da obra derridiana serão abordados: a arte, a poesia, a hospitalidade, o estrangeiro, os animais. Todas as sessões terão Evando Nascimento como interlocutor. As atividades se realizarão na Pós-Graduação em Letras da UERJ e na Mediateca da Maison de France.

PROGRAMA:

17 DE ABRIL
9h30: Abertura
10h-11h30: Conferência – Coordenação: Nabil Araújo (UERJ) Fernanda Bernardo (Universidade de Coimbra): “Provações do Impossível: A Desconstrução e o Perdão”
13h30-16h: Mesa-Redonda – Coordenação: Ana Chiara (UERJ) Marcos Siscar (Unicamp): “Perdoar, a propósito de Derrida” Cláudia Perrone-Moisés (USP): “O perdão e os crimes contra a humanidade” Nabil Araújo (UERJ): “O juízo estético no horizonte da indecidibilidade: liberdade, decisão, responsabilidade”
16h30-18h: Conferência – Coordenação: Evando Nascimento (UFJF) Ginette Michaud (Université de Montréal): “La vérité à l’épreuve du pardon: lecture croisée de la « Conférence de Rio de Janeiro» et du séminaire «Le parjure et le pardon» de Jacques Derrida” [haverá tradução] Conferências e mesas-redondas no Instituto de Letras da UERJ

(Não é necessário se inscrever – entrada livre, sujeita à lotação)

18 DE ABRIL
9h30-12h: Conferência – Coordenação: Cristina Batalha (UERJ)
Elisabeth Roudinesco (SIHPP): “Spectres de Marx, spectres de Freud” [haverá tradução]
Mesa-Redonda:
Marco Antonio Coutinho Jorge (UERJ/Corpo Freudiano): “O diálogo de Elisabeth Roudinesco comJacques Derrida”
Alcides Cardoso (Unesp-Araraquara): “Da desconstrução da verdade à pós-verdade: o que Derrida tem a ver com Isso?”
14h-15h30: Conferência – Coordenação: Ieda Magri (UERJ) Mónica Cragnolini (Universidad de Buenos Aires): “Pidiendo perdón a los animales en la comunidad de los vivientes”
16h-17h30: Conferência – Coordenação: Nabil Araújo (UERJ) Evando Nascimento (UFJF): “Mil Perdões: Vidas Precárias”

Conferências e mesas-redondas no Instituto de Letras da UERJ
(Não é necessário se inscrever – entrada livre, sujeita à lotação)

19 DE ABRIL
19h-21h: MESA-REDONDA NA MEDIATECA DA MAISON DE FRANCE
“Em Torno de Jacques Derrida”
Ginette Michaud (Université de Montréal)
Jean-Paul Lefèvre (Aliança Francesa)
Evando Nascimento (UFJF)
Coordenação: Alice Toulemonde (Escritório do Livro Francês)

(não é necessário se inscrever - entrada livre, sujeita à lotação)

9h-12h: MINICURSO NA PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS DA UERJ
O Monolinguismo do outro (ed. Chão da Feira), de Jacques Derrida, ministrado por Fernanda Bernardo (Universidade de Coimbra).
(VAGAS LIMITADAS; sob inscrição)
20 DE ABRIL

9h-12h e 14h-17h: MINICURSO NA PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS DA UERJ Sobre Le monolinguisme de l’autre [O Monolinguismo do outro], de Jacques Derrida, ministrado por Fernanda Bernardo (Universidade de Coimbra). (VAGAS LIMITADAS; sob inscrição) P
Instituto de Letras da UERJ R. São Francisco Xavier, 524, 11º andar, Maracanã – Rio de Janeiro - RJ (Todas as atividades ocorrerão no RAV112) Mediateca da Maison de France Av. Presidente Antônio Carlos, 58, 11º andar, Centro – Rio de Janeiro – RJ

COMITÊ CIENTÍFICO:
Nabil Araújo (UERJ) Roberto Acízelo de Souza (UERJ) João Cezar de Castro Rocha (UERJ/ABRALIC) Maria Aparecida Andrade Salgueiro (UERJ/Casa Dirce Cortes Riedel) Alice Toulemonde e Madeleine Deschamps (Escritório do Livro – Consulado da França) Jean-Paul Lefèvre e Thomas Brégeon (Aliança Francesa)

ENDEREÇOS:
Instituto de Letras da UERJ R. São Francisco Xavier, 524, 11º andar, Maracanã – Rio de Janeiro - RJ (Todas as atividades ocorrerão no RAV112) Mediateca da Maison de France Av. Presidente Antônio Carlos, 58, 11º andar, Centro – Rio de Janeiro – RJ

INFORMAÇÕES:
Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ Telefone: (21) 2334-0633 E-mail: secretaria_pgletras@yahoo.com.br Mediateca da Maison de France Telefone: (21) 2334-0633 E-mail: mediateca@maisondefrance.com.br


sexta-feira, 7 de abril de 2017

Edital do Processo Seletivo 2017 - PPGMEL (UFMS) - MESTRADO - Linguística, Letras e Artes


Edital 2017 - PPGMEL (UFMS) 
Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagens (UFMS)

PPGMEL divulga edital para o curso de mestrado com Ingresso em 2017.2

Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagens (PPGmEL), da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), divulgou o Edital para o Processo Seletivo 2017 do curso de Mestrado. São 30 vagas abertas, no total; as vagas são divididas entre as duas áreas de concentração em que o curso está organizado: "Teoria Literária e Estudos Comparados" e "Linguística e Semiótica".

As inscrições ficarão abertas pelo Portal de Pós-Graduação www.posgraduacao.ufms.br, da 0h do dia 06/04/2017 às 16h do dia 02/05/2017.

O Processo Seletivo acontecerá entre os dias 11 e 31 de Maio e é composto pelas seguintes fases: 1) Prova de conhecimentos teóricos; 2) Prova de língua estrangeira (espanhol ou inglês); 3) Análise de currículo; e 4) Defesa do anteprojeto de pesquisa (Prova de Arguição Oral). As aulas dos candidatos aprovados tem início previsto para o dia 7 de Agosto de 2017.

O Edital completo está disponível no link abaixo. Nele, você encontrará todas as informações necessárias sobre o processo: data e valor de inscrição, número de vagas, orientadores disponíveis, fases do processo seletivo, critérios de avaliação etc.



Pós-Graduação UFMS                                                   sistemas.ufms.br


Pós-Graduação UFMS                                                   sistemas.ufms.br


I Workshop de Pesquisa em Estudos de Linguagens
PPGMEL promoverá evento para esclarecer dúvidas sobre o curso de Mestrado

No dia 15 de abril, das 13h30min às 17h30min, o Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagens promoverá o I Workshop de Pesquisa em Estudos de Linguagens. O objetivo do evento é explicitar o funcionamento do curso de Mestrado oferecido pelo Programa e colocar o público em contato com informações sobre as pesquisas realizadas.

O Workshop terá lugar no Anfiteatro do CCHS, situado próximo ao Corredor Central da UFMS, em Campo Grande. O evento é gratuito e as inscrições são feitas na hora; no entanto, não será concedido atestado ou certificado de participação.



Programa de Pós-Graduação em Estudos de Linguagens (UFMS)

Após ler o Edital, se tiver dúvidas, entre em contato conosco
.


sexta-feira, 24 de março de 2017

Lançamento da obra "Genealogia da Ferocidade"


Capa do livro de Hallina Beltrão

Todos estão convidados
 para o evento que ocorrerá na Livraria da Travessa de Ipanema, na próxima semana, com direito a sessão de autógrafos. 
A obra "Genealogia da Ferocidade" consiste em uma crítica da crítica acerca de "Grande Sertão: Veredas" - que Santiago chama de "O monstro de Rosa"
 


Para todos que tiverem a oportunidade de estar presente ou adquirir a obra desejamos uma ótima experiência!
                                                        

Saiba mais em: Livraria da Travessa


SEMLACult

Galera,

Imagem de divulgação: Homenagem a América Latina de Iza Costa. 
Saiu a aprovação do simpósio Fronteiras Culturais em Contextos Epistêmicos Descoloniais que ocorrerá no I Seminário Latino-Americano de Estudos em Cultura (SEMLACult). O evento será realizado em Foz do Iguaçu, Paraná, nos dias 28 a 30 de junho de 2017. Participem!

________________________________________________________                                    
Simpósio ST-05

Fronteiras Culturais em Contextos Epistêmicos Descoloniais


Descrição: A fronteira geográfica é lugar de separação, mas o é também local de aproximação das diferenças e semelhanças entre os lugares, sujeitos e suas práticas artístico-culturais. Entretanto, com base em uma noção que se quer mais aprofundada de fronteira para além de mero conceito de marco delimitatório, mais como epistemologias para produção do conhecimento, a partir dos conhecimentos produzidos nos lugares que circundam os múltiplos lados das fronteiras postas, propomos debater neste simpósio noções/delimitações outraspriorizando a ideia de que apesar das multíplices fronteiras distanciarem e aproximarem ao mesmo tempo —, e discutir que as fronteiras reais e imaginárias não situam em lugares nos quais se iniciam os discursos formuladores de poderes nas/entre as práticas, sujeitos e discursos produzidos nesses muitos lugares epistêmicos fronteiriços e culturais por diferentes naturezas. Queremos dizer com isso que a fronteira é lugar onde nem sempre é promovido o ponto de partida discursivo de conceitos como e para a produção de conhecimentos e artísticos, por assim dizer, dos lugares onde essas fronteiras estão situadas/estabelecidas: sejam elas concretadas como marcos reais, sejam as fronteiras sociais postas como limites virtuais e/ou imaginários pelos sistemas comerciais, políticos ou econômicos dos lugares. Nesse sentido, propomos reunir discussões neste simpósio, como propostas epistêmicas outras a partir desses lugares (geográficos, mas também culturais), de conceitos descoloniais outros que emergem de dentro e de fora dessas fronteiras (im)postas pelos diferentes sistemas imperantes; tais como: “biogeografias”, “crítica biográfica fronteiriça”, “discursos indígenas” e “literaturas de fronteira”, estéticas periféricas, epistemologias marginais, produções de conhecimentos a partir de conhecimentos etc; entre muitos outros que rompam as noções postas e estabelecidas pelos discursos clássico e moderno como únicos produtores de arte, cultura e conhecimentos.

Coordenadores: Dr. Edgar Cézar Nolasco (UFMS/NECC) e Dr. Marcos Antônio Bessa-Oliveira (UEMS/NAV(r)E). 

Saiba mais em: SEMLACult